Resenha – The Last Shadow Puppets em “The Age of the Understatement”

Olá pessoal!

Hoje eu tô aqui para falar de uma banda nova. Ou melhor, não tão nova, sim de seu primeiro cd. Como visto no título, essa resenha tratará do primeiro álbum do The Last Shadow Puppets. Antes de mais nada, uma pequena introdução sobre a banda ajudará a entender certas comparações e o motivo da banda ser considerada uma das, senão a, promessas do ano.

Formada por Alex Turner, do Arctic Monkeys, e Miles Kane, do The Rascals, não sei se chamo de banda ou dupla. Enfim, os caras se conheceram quando a antiga banda de Kane deu suporte ao Arctic. Devido a ser formada por essa dupla, nada mais óbvio que o som da banda ser o indie rock. Também fica claro que eles sofrerão comparações em relação ao Arctic. Essa comparação não é de todo indevida, o som lembra um pouco, mas não deve-se dizer que a influência é só do Turner. Só para constar, não conheço The Rascals, portanto só poderei comparar ao som do Arctic. Desculpem negar a influência do Miles Kane na música.

Vamos então começar a resenha do cd em si. A música título, “The Age of the understatement”, não me lembra Arctic em nada. De fato, me lembra um pouco Kaiser Chiefs na música “The Angry Mob”. Isso porque a guitarra tá rápida, com batida firme e constante, passando algo mais forte e não tão animado quanto o Arctic. A mesma diferença acontece em “Stading next to me”. Não sei o que ela me lembra, mas posso ter certeza que difere do Arctic. Uma animação saudosista, melancólica, nada muito agitado.

Confesso que me impressionei com Turner cantando tais músicas. Não sou profunda conhecedora da principal banda do rapaz, mas o pouco que conheço me dá suporte para dizer que esse projeto paralelo mostra o dinamismo dele. Sem contar que o estilo do TLSP abrange um campo diferente, pessoas que gostam de um estilo mais calmo. E, agora, finalmente me ocorre uma música onde sinto a influência “arcticniana”. “Separeate and ever deadly” é uma das que me lembra, ou a introdução pelo menos me lembrou, o trabalho mais conhecido de Alex. Assim como “I don’t like you anymore”. As duas são as únicas do álbum que me lembram Arctic.

Agora, ouvindo o myspace do The Rascals percebo de onde vem a diferença do TLSP para o Arctic. Se algum deles influência a música da banda, creio que seja mais o rapaz Kane. Sinto mais proximidade entre o Rascals e o TLSP, principalmente pelo tipo de melodia.

Enfim, o myspace da banda conta com 5 músicas, nenhuma para download. Dá para ouvir “The age of understatement”, “In the heart of the morning”, “Standing next to me”, “Calm like you” e “Meeting place”. Vale a pena ouví-las e ter a própria impressão sobre a banda.

MySpace – The Last Shadow Puppets

“Summertime made promises it knew it couldn’t keep / The fairytale was climbing up a mountain far too steep / Colouring the pictures / With your loyal hand / Now I am craving heartbreak while you’re making your demands” (Calm Like You – The Last Shadow Puppets)

See ya later

(PS: Rayssa, esse post é por você tanto fazer propaganda deles…)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s